Acessar o conteúdo principal

Bangkok fecha bares e restaurantes após aumento de casos da Covid-19

Depois de ser relativamente poupada da pandemia em 2020, Bangkok registra um aumento expressivo de casos de Covid-19.
Depois de ser relativamente poupada da pandemia em 2020, Bangkok registra um aumento expressivo de casos de Covid-19. AP - Jerry Harmer
Texto por: RFI
2 min

O governo da Tailândia decidiu fechar a partir deste sábado (2) todos os bares, boates e restaurantes de Bangkok, na tentativa de conter a epidemia de Covid-19. A venda de álcool também será proibida na capital, em uma série de medidas adotadas para conter o aumento do número de casos.

Publicidade

Embora a Tailândia tenha sido o primeiro país a detectar um caso de infecção fora da China, no início de 2020, até novembro o país havia sido relativamente poupado da pandemia, com pouco mais de 4.000 contaminações e 60 mortes.

No mês passado, o surgimento de casos no maior mercado de frutos do mar do país provocou um aumento nas infecções em 53 das 73 províncias do reino. O número de contágios subiu para mais de 7.300.

Para diminuir os riscos de aglomerações em Bangkok, onde foram registrados 2.600 casos, as autoridades reagiram rapidamente, decretando um lockdown parcial.

Além das casas noturnas e bares, ringues de boxe e rinhas de galo também foram fechadas, assim como casas de massagem, salões de beleza e academias de ginásticas, afetadas pelas restrições.

Escolas fechadas

A capital anunciou nesta sexta-feira (1°) que as escolas públicas ficariam fechadas por duas semanas. "Não queremos adotar medidas extremas, como um lockdown completo ou um toque de recolher, mas precisamos de um remédio mais forte para conter essa nova onda", disse Taweesin Visanuyothin, porta-voz da força-tarefa tailandesa para combater a Covid-19.

Novas restrições são esperadas em todo o país, no período de 4 de janeiro até 1 de fevereiro, completou, afirmando que a prorrogação de dois dias deverá permitir a preparação dos comerciantes.

(Com informações da AFP)

 

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.